URUGUAIANA JN PREVISÃO
Os R$ 44 milhões

Santa Casa firma acordo que reduz parcelas de empréstimo em 33%

Contrato referente a empréstimo de R$ 44 milhões, obtido em administração anterior, foi renegociado com redução de juros.

Foto: Gabriela Barcellos/HSCU/JC

O Hospital Santa Casa de Uruguaiana e a Caixa Econômica Federal celebraram na manhã desta terça-feira, 20/7, a renegociação do contrato de empréstimo realizado por administração anterior, em 2017, no valor de R$ 44 milhões.

Este compromisso financeiro se mantinha como um dos maiores da instituição, com parcelas mensais de mais de R$ 875 mil. Com o novo contrato foi possível reduzir o valor em 33%, com parcelas fixas de cerca de aproximadamente R$ 580 mil. A redução foi possível por meio da redução dos juros pagos pela Santa Casa, que até o momento eram de 1,5% ao mês e passam a ser de 0,9% ao mês. O número de parcelas foi mantido - 120 parcelas.

Outro ponto do novo contrato foi a derrubada de uma multa de 1% sobre o valor do empréstimo - que equivale a R$ 400 mil - pelo descumprimento de cláusulas contratuais. Na negociação, a Caixa Econômica abriu mão da multa.

A cerimônia para assinatura do novo contrato ocorreu na administração do Hospital Santa Casa, com a presença do prefeito Ronnie Mello, do senhor Regis Lima representando o deputado estadual Frederico Antunes, dos secretários de Saúde Diego Cantori e Frederico Pellegrini e de Governo, Paulo Fossari, e da senhora Diva Ceolin, representando a Fundação Pioneiros e o grupo Uruguaiana Viva.

Assinaram o novo contrato o prefeito Ronnie Mello, a gestora administrativa do Hospital Santa Casa, Thaís Aramburu, e os representantes da Caixa, Cleison Vidikim de Oliveira e Pedro Dutra.

Na ocasião, Thaís destacou a importância da negociação para a saúde financeira do HSCU, especialmente em um momento de grandes dificuldades em razão da pandemia do novo coronavírus, e agradeceu o empenho de todos os envolvidos na negociação.

O prefeito Ronnie Mello destacou a importância do apoio da Fundação Pioneiros, presidida pelo empresário Antônio Ceolin, e do senador Luis Carlos Heinze, que também participou das negociações junto à presidência da Caixa Econômica Federal (CEF).


Sobre nós:

Credibilidade na informação regional e a força de um dos precursores da informação em Uruguaiana. Você também está convidado para fazer parte dessa história.

Telefone: (55) 3402-2782
Endereço: R. Duque de Caxias, 2247 - Centro, Uruguaiana - RS, 97500-181