URUGUAIANA JN PREVISÃO
Enteada

Dois homens são presos por estupro de vulnerável

A criança foi vítima dos dois padrastos. O primeiro crime ocorreu há seis anos, quando ela tinha quatro anos de idade.

Dois homens foram presos pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), acusados de estupro de vulnerável. A vítima de ambos é uma menina, atualmente com dez anos, da qual os dois foram padrastos.

A investigação que levou a prisão dos dois homens é comandada pelo delegado Vinícius Nahan. De acordo com ele, os crimes ocorreram em épocas diferentes.

Um dos homens presos tem 37 anos e, por dois anos, violentou a menina, à época sua enteada. Os crimes começaram quando a criança tinha quatro anos de idade. Ainda conforme o Delegado, o estupro foi cometido mediante conjunção carnal e era consumado quando a mãe da vítima ia trabalhar. A cerca de dois meses a criança foi novamente vítima de estupro, agora pelo atual companheiro da mãe. O homem passou a tocar a criança nas partes íntimas.

De acordo com a Polícia, em ambos os casos a criança foi ameaçada de morte pelos suspeitos. Apesar do medo, a menina acabou contando ao pai sobre os crimes. Ele, juntamente com o Conselho Tutelar, procurou a Polícia Civil.

Após o cumprimento dos mandados de prisão preventiva os homens foram levados à Delegacia de Polícia para que fossem ouvidos pelos policiais. Logo depois, foram encaminhados à Penitenciária Modulada Estadual de Uruguaiana (PMEU).


Sobre nós:

Credibilidade na informação regional e a força de um dos precursores da informação em Uruguaiana. Você também está convidado para fazer parte dessa história.

Telefone: (55) 3402-2782
Endereço: R. Duque de Caxias, 2247 - Centro, Uruguaiana - RS, 97500-181