URUGUAIANA JN PREVISÃO
Covid-19

Governo mantém 11 regiões na bandeira preta

Uruguaiana continua na bandeira vermelha e, pode adotar protocolos da bandeira laranja graças ao sistema de cogestão.

O Gabinete de Crise indeferiu todos os pedidos regionais de reconsideração ao mapa preliminar da 42ª rodada do Distanciamento Controlado. Com isso, o mapa definitivo permanece com 11 regiões em bandeira preta, que somam 68,4% da população gaúcha em situação de risco epidemiológico altíssimo, considerando o esgotamento da estrutura hospitalar e velocidade de propagação de coronavírus. 

A região de Uruguaiana e as outras nove regiões Covid ficaram em bandeira vermelha, que representa alto risco epidemiológico. A vigência da classificação começa às 0h desta terça-feira, 23/2, e vai até as 23h59 do dia 1º de março.

Este é o maior número de regiões no pior nível do sistema de enfrentamento à pandemia no Estado até agora. Até então, o RS só havia tido duas rodadas com bandeira preta: na 32ª semana (de 15 a 21 de dezembro), com duas regiões, e a última, na 35ª rodada (de 5 a 11 de janeiro), com uma bandeira preta.

Cogestão

Com a manutenção do sistema de cogestão, as regiões em bandeira preta que aderiram ao sistema compartilhado podem adotar os protocolos próprios compatíveis até o nível de restrição da bandeira vermelha, desde que previstos nos seus planos. O mesmo vale para as regiões em vermelho, que podem adotar regras até o nível de laranja, desde que tenham plano de cogestão. Guaíba e Santa Maria, que não aderiram ao sistema, devem seguir os protocolos determinados pelo Estado.


Sobre nós:

Credibilidade na informação regional e a força de um dos precursores da informação em Uruguaiana. Você também está convidado para fazer parte dessa história.

Telefone: (55) 3402-2782
Endereço: R. Duque de Caxias, 2247 - Centro, Uruguaiana - RS, 97500-181