URUGUAIANA JN PREVISÃO
João Fagundes

Alunos cultivam horta em caixas de madeira

O programa Horta Solidária realiza o plantio de hortaliças em pequenas caixas de madeira por alunos do Ensino Médio da Escola Dr. João Fagundes.

Foto: Jairo Souza/JC

O projeto Horta Solidária, realizado pela Escola Estadual Dr. João Fagundes com alunos do ensino médio, tem como objetivo estimular os estudantes, através da prática com horta orgânica, a entender a importância de consumir alimentos livres de defensivos. Através da prática é possível interligar os conteúdos desenvolvidos em sala de aula e o ambiente externo. A ideia do desenvolvimento do Projeto tem também como referência a Horta no estilo americano chamada de "Square Feet" voltada para pequenos espaços, popular nos Estados Unidos.

A Horta Solidária é desenvolvida em pequenos canteiros feitos dentro de caixas de madeira. A vantagem do espaço reduzido é que as plantas de pequeno e de médio porte ficam com o formato semelhante ao de um canteiro normal. Na primeira etapa do projeto foram plantadas hortaliças condimentares, que são usadas para temperos, como manjericão, alecrim, tomilho, cebolinha; hortaliças folhosas: alface, rúcula, agrião, couve, repolho.

A horta em caixas de madeiras - material que em muitas vezes são descartadas após o transporte de frutas e verduras de grandes centros - trazem diversas vantagens: a facilidade de montagem; economia de água nas regas; rápida instalação e pouca ocupação de espaço, uma vez que o plantio pode ocorrer em qualquer local desde que seja arejado e bem iluminado com luz do sol pela manhã e tarde. O modelo também permite que as pessoas desloquem o canteiro até outra localização se for necessário.

Além disso, a horta em caixa facilita o consumo de hortaliças orgânicas sem ter que buscar em mercados. Por estarem em caixas facilita a adubação orgânica bem como o controle de ervas daninhas.

A estruturação da horta em caixas é feita em uma base de madeira. Dentro da caixa é preciso colocar um plástico com o objetivo de segurar a terra. Também é colocado o esterco de ovelha ou de gado, pó de madeira curtida, cinza de casta de arroz, e casca de arroz. Em seguida são colocadas as mudas de hortaliças ou sementes. As caixas armazenam cerca de 50 quilos de terra tratada com adubo orgânico.

Horta em Caixas é furtada

Na última terça-feira, 20/9, a Escola Dr. João Fagundes teve o projeto da Horta Solidária danificado. Foram furtadas diversas caixas contendo alface verde e roxa e couve. As caixas com as hortaliças - já prontas para consumo - estavam distribuídas na parte da frente da escola na Rua Antônio Monteiro.

Das 27 caixas, foram furtadas nove. Além disso, uma caixa com salsinha foi destruída.

Estavam plantadas cerca de 12 pés de alface em cada caixa e em outras continham dezenas de pés de couve. A terra já estava preparada com adubo orgânico e outro prejuízo foi a perda do tempo destinado ao cultivo para que as plantas estivessem prontas para o consumo. Apesar disso, os professores e alunos irão preparar novos recipientes e plantar novamente os alimentos. Após, as hortaliças serão destinadas às famílias em situação de vulnerabilidade social.


Sobre nós:

Credibilidade na informação regional e a força de um dos precursores da informação em Uruguaiana. Você também está convidado para fazer parte dessa história.

Telefone: (55) 3402-2782
Endereço: R. Duque de Caxias, 2247 - Centro, Uruguaiana - RS, 97500-181