URUGUAIANA JN PREVISÃO
Ibequi

Workshop aborda visão técnica do mormo no Brasil

As inscrições estão abertas e o evento, totalmente online, ocorre no dia 15 de setembro.

'A visão técnica sobre o mormo no Brasil', será o tema do primeiro workshop do Instituto Brasileiro de Equideocultura (Ibequi). No evento online, que será realizado no dia 15 de setembro, às 14h, especialistas abordarão de forma técnica sobre o atual cenário nacional da doença, causada pela Burkholderia Mallei. Os participantes receberão certificado. As inscrições gratuitas estão abertas e podem ser realizadas aqui.

O evento tem como público-alvo técnicos das entidades filiadas ao Ibequi, área acadêmica, profissionais do setor, mídia especializada, entre outros interessados. De acordo com a Junta Administrativa do instituto, a partir do nivelamento das informações acerca do tema, será estruturado o Comitê Temporário de Sanidade Animal do Ibequi, que atuará na mitigação desse gargalo sanitário na Cadeia Produtiva do Cavalo.

Programação Preliminar

13h30 - Liberação do acesso ao evento online;

14h - Abertura;

14h10 - Manuel Carlos de Lima Rossitto, presidente da Junta Administrativa do IBEqui;

14h25 - Geraldo Marcos de Moraes, diretor do Departamento de Saúde Animal e Insumos Pecuários;

14h40 - Eliana Dea Lara Costa - chefe da Divisão de Sanidade de Equídeos SDA/MAPA;

15h10 - Palestras técnicas com: Walnei Miguel Paccola, especialista em cirurgia de equídeos;

Patrícia Brossi, médica-veterinária, especialista em mormo; Thomas Wolff, médico-veterinário da FEI e Consultor técnico da câmara;

16h10 - Debate com mediação de José Carlos Pires Fragoso, presidente da Câmara de Equideocultura do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa);

17h - Encerramento.

Ibequi

O Instituto Brasileiro de Equideocultura (IBEqui) foi fundado em 24 de agosto de 2020, com cinco pilares de atuação: Assuntos Regulatórios; Cultura e Ações Sociais; Sanidade Animal; Segurança Jurídica e Bem-Estar Animal e Esportes Equestres. Sua missão é unir e fortalecer todos os elos da cadeia produtiva brasileira, através de diferentes atividades e iniciativas, a partir da fundamentação em estudos técnicos.

Potência econômica e social do agronegócio brasileiro, a equideocultura representa um campo repleto de oportunidades. Com um expressivo rebanho de equídeos, o setor gera mais de 3 milhões de empregos e movimenta R$ 16 bilhões ao ano. Para as 27 entidades - 10 de raças, 13 de modalidades e 04 correlatas - que compõem o instituto, esses números demonstram a força do segmento e indicam que ainda há muito a ser explorado.

Sobre nós:

Credibilidade na informação regional e a força de um dos precursores da informação em Uruguaiana. Você também está convidado para fazer parte dessa história.

Telefone: (55) 3402-2782
Endereço: R. Duque de Caxias, 2247 - Centro, Uruguaiana - RS, 97500-181