URUGUAIANA JN PREVISÃO
Ícone

Polícia encontra 30 músicas inéditas de Renato Russo

Operação Será investiga existência de trabalhos inéditos do cantor e teve início após denúncia do filho do artista, Giuliano Manfredini.

Gabriela Barcellos

A Polícia Civil do Rio de Janeiro apreendeu, na segunda-feira, 26/10, um relatório com 30 músicas inéditas do cantor e compositor Renato Russo, vocalista e principal letrista da banda Legião Urbana. As letras foram encontradas em dois estúdios de gravação e na residência de um produtor musical, no Centro e na Zona Sul do Rio. 

As descobertas aconteceram durante a Operação Será, cujo nome é uma referência a um dos sucessos da banda Legião Urbana. Também foram apreendidos HDs e foi realizada uma busca por gravações que poderiam ter sido feitas por Renato Russo antes de morrer.

A operação foi criada para investigar a suposta existência de trabalhos inéditos do cantor, que teve início há quase um ano, quando o filho de Renato, Giuliano Manfredini, detentor dos direitos autorais do pai, denunciou que estariam ocultando canções nunca gravadas pelo cantor.

A denúncia foi feita por Manfredini após receber, nas redes sociais, mensagens de um perfil falso que dizia ter canções inéditas de Renato Russo. Por isso, começou a ser apurado pela polícia o crime de violação de direitos autorais. O advogado do dono do estúdio em que foi apreendido o material com canções preferiu não fazer declaração: "Enquanto eu não tiver acesso aos autos, não tenho nada a declarar nesse momento".

Renato Russo

Um dos maiores nomes da música brasileira, Renato Russo morreu em 11 de outubro de 1996, vítima de complicações decorrentes da Aids. Ele morreu em seu apartamento, no Rio de Janeiro, onde um mini hospital foi montado para lhe atender, logo após ter concluído as gravações do último disco da Legião Urbana, A Tempestade.

Vinte e quatro anos após sua morte, Renato Manfredini Júnior ainda é um ícone. Inesquecível para os fãs e inspiração para outros artistas. Além do brilhante trabalho a frente da Legião Urbana, gravou dois discos solo - um em inglês e outro em italiano. Deste último emplacou dois hits em trilhas de novela: 'La Forza Della Vita e La Solitudine.

Russo era discreto em relação a sua vida pessoal e nunca tornou pública sua doença. Como artista, era uma figura polêmica, seja pelas opiniões que expressava. Falava sobre o amor como poucos e bradava contra a miséria como todos gostaríamos de fazer.


Sobre nós:

Credibilidade na informação regional e a força de um dos precursores da informação em Uruguaiana. Você também está convidado para fazer parte dessa história.

Telefone: (55) 3402-2782
Endereço: R. Duque de Caxias, 2247 - Centro, Uruguaiana - RS, 97500-181