URUGUAIANA JN PREVISÃO
Marisele Velasques

Continuamos aqui

Os dias estão difíceis, repetitivos e cansativos. Estamos chegando a uma exaustão mental. Precisamos trabalhar, mas sem sair de casa; pagar as contas, mas com as empresas fechadas; voltar às aulas presenciais, mas com o vírus levando embora um monte de gente perto da gente. Não há psicológico que aguente! No meio de todo esse caos nossas crianças e jovens estão presos em casa, ou deveriam estar, isolados observando de perto todas as nossas dúvidas, medos e reações. E o ano vai seguindo com as datas comemorativas chegando, como a Páscoa nesse final de semana. Enquanto alguns conseguirão celebrar com fartura e alegria, outras famílias por motivos diversos e muito difíceis de listar aqui nesse texto, não. Mas continuamos aqui na luta diária, nas orações e na resiliência.
A Páscoa é uma data cristã que celebra a libertação do povo hebreu que foi escravo por quatrocentos anos no Egito. Quando Jesus esteve entre nós, com sua família Ele também celebrava, e um dos seus grandes pedidos é que sempre nos lembrássemos de sua Última Ceia, sua crucificação, morte e ressurreição, a nova Aliança feita pelo sangue do Seu sacrifício, sem grandes compras ou ovos de chocolates sobre as mesas. Na verdade Ele pediu algo simples: que ensinássemos uns aos outros para que essa linda história nunca seja esquecida. Todos os outros rituais culturais não são pedidos Dele.
Com dias tão difíceis até mesmo para abrir as redes sociais, porque o que mais estamos vendo nesse momento são famílias enlutadas e amigos indo embora, o estar perto continua não sendo recomendado, e a melhor forma de nos comunicarmos com segurança nesse momento é por esse meio, hoje mais pesado e triste. Está realmente muito difícil para todos, e se o desânimo está em um nível tão alto para você, te convido a viver essa data com reflexão e gratidão pela sua vida e da sua família, sendo grato pelo alimento do prato e pelo trabalho que te sustenta. Faça caridade, olhe para o lado, tem tanta gente precisando. Diminua os doces da gurizada e ofereça conhecimento do real significado dessa celebração tão bonita. Faça diferente e especial. Existe sim esperança quando pela televisão assistimos as pessoas se vacinando, em tempo oportuno nós também estaremos lá. Mas por enquanto, desejo que a Páscoa seja reservada aos seus, com o que você tem para oferecer, se cuidando e esperando Naquele que morreu na cruz para salvar todos nós. "Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar e orar, buscar a minha face e se afastar dos seus maus caminhos, dos céus o ouvirei, perdoarei o seu pecado e curarei a sua terra." 2 Crônica 7.

Sobre nós:

Credibilidade na informação regional e a força de um dos precursores da informação em Uruguaiana. Você também está convidado para fazer parte dessa história.

Telefone: (55) 3402-2782
Endereço: R. Duque de Caxias, 2247 - Centro, Uruguaiana - RS, 97500-181